O que uma Aceleradora de startups oferece?

De uma forma simples de explicar, uma aceleradora de startups serve para ajudar empreendedores a atingirem sucesso em suas startups.

Para atingir tal objetivo, as aceleradoras oferecem benefícios que dificilmente os empreendedores conseguiriam sozinhos ou com investidores anjo individualmente. Além do investimento financeiro, que no Brasil gira em torno de R$ 200.000,00, muitas oferecem uma rede de mentores e conselheiros, contatos para abrir portas em empresas. Além disso oferecem descontos e isenções de parceiros como softwares de apoio, computação em nuvem e consultores especializados em áreas fundamentais.

Como parte do programa de aceleração, a maioria das aceleradoras trabalha com reuniões de mentoria periódicas entre gestor de aceleração e startup, realizam eventos presenciais ou online onde são trazidos especialistas para compartilhar conhecimento com os empreendedores. Além disso, o empreendedor também tem acesso a uma rede de outros empreendedores de startups que vivem desafios similares aos seus em seu dia a dia.

Em um segundo momento, quando a startup já amadureceu alguns passos, uma aceleradora de startups também costuma apoiar os empreendedores na captação de novas rodadas de investimento. Por isso realizar um demoday para conectar com novos possíveis investidores é um hábito comum das aceleradoras. Também  estruturar processos e a instalar uma governança adequada são boa práticas realizadas.

Como funciona a seleção de startups para investimento?

Diferente de Fundos de VC que costumam receber startups para avaliação a qualquer momento, as aceleradoras costumam trabalhar por batchs. Ou seja, durante um período específico (30 a 45 dias em geral) a aceleradora recebe inscrições e faz a avaliação dos formulários. Posteriormente cada aceleradora possui um processo diferente, mas em geral ocorre uma conversa com um avaliador da aceleradora, seguido por algum contato com os sócios da aceleradora e conclui o processo com um demoday final onde os empreendedores apresentam seus pitchs e são avaliados.

Como critérios de seleção, cada aceleradora possui os seus, mas tendem a seguir uma linha em comum:

  1. A equipe de empreendedores: São competentes? Tem atitude? São complementares? Possuem uma visão de longo prazo? Conseguirão executar o projeto ao qual estão se propondo?
  2. O mercado: É grande o suficiente? Está em crescimento? Existe espaço para crescer ou já foi tomado por concorrentes? É um mercado aderente a novas tecnologias ou difícil de vender?
  3. Produto: Possui diferenciais competitivos em relação aos concorrentes? Possui barreiras tecnológicas ou é fácil de copiar? Tem potencial de escala? Utiliza alguma tecnologia disruptiva?
  4. Cap Table: O cap table ainda está saudável? Há espaço para novas rodadas de investimento no futuro?

Benefícios para as startups

Empreender é uma jornada solitária, e com o apoio de uma aceleradora de startups essa jornada pode ser compartilhada. A partir do momento em que um empreendedor recebe investimento, há muitos parceiros torcendo e apoiando para o sucesso da startup. Por isso e pelos benefícios citados acima que recomenda-se que empreendedores procurem uma aceleradora quando possuírem um mvp rodando, que é o timing ideal para receber investimento.

Você pode conhecer todas as aceleradoras de startups do Brasil através do link: http://dealflowbr.com/mapa-de-investidores-de-startups-do-brasil/

Benefícios para investidores

Investir em startups é um assunto estimulante, e ao mesmo tempo confuso para muitos investidores. Por isso uma aceleradora pode ajudar muito. Além de diminuir o risco pois a aceleradora já possui um processo de seleção claro e um topo de funil com muitas oportunidades, a aceleradora também costuma receber as melhores oportunidades do mercado.

Em relação ao contato com as startups, os investidores possuem acesso aos empreendedores tanto na parte de seleção quanto de aceleração, apoiando com seu conhecimento e aprendendo com eles sobre novas formas de encarar os negócios na nova economia. Ou seja, é uma forma de atualização constante sobre tendências e conhecimento vindo de empreendedores que estão focados diariamente em negócios inovadores.

Outro benefício para quem investe em startups é a rede que se forma de investidores. A VENTIUR, por exemplo, já possui mais de 120 investidores conectados que participam dos eventos da aceleradora e trocam experiências entre si.

Se você tem interesse em saber mais sobre investimento através de uma aceleradora de startups, acesse o link: https://ventiur.net/investidor/

Dúvidas

E aí, o que achou? Ficou com alguma dúvida? Encaminha um e-mail para george.gallas@ventiur.net e vamos conversar!

#GoHard