Não é preciso entender muito de economia ou política para saber quanto o mercado brasileiro é dependente do agronegócio. A demanda por alimentos vai continuar crescendo e não podemos destruir o planeta para produzir mais. É a inovação e o uso correto de novas tecnologias que vão permitir o aumento da produtividade e o crescimento sustentável do agronegócio.

É nesse contexto em que lançamos o VENTIUR AgTech.

 

O que é o VENTIUR AgTech?

VENTIUR AgTech é o novo programa de aceleração e investimento em startups da VENTIUR, com foco no agronegócio.

O Grupo de Investidores VENTIUR AgTech será formado por empresas e investidores que conhecem o Agro, visando agregar muito “smart-money” às startups selecionadas. 

O objetivo é investir e acelerar startups com soluções de base tecnológica para problemas reais do agronegócio e, dessa forma, impulsionar a inovação do setor, responsável por 24% do PIB, 33% dos empregos e 46% da exportação do Brasil, segundo dados do IBGE de 2016. 

“O Brasil é o país com a maior capacidade, no mundo, de crescimento no agronegócio, com maior área agricultável inexplorada e com as maiores reservas de água doce do mundo, mas conta com problemas latentes no campo. Desse modo, é um celeiro de oportunidades para o desenvolvimento de startups focadas nesse mercado. Pensando nisso, montamos uma estrutura e estratégia que conseguirá alavancar a evolução de tecnologias no campo com mais assertividade e ciclos mais rápidos de validação.”, declara Guilherme Kudiess, COO e responsável pela frente Agro da VENTIUR.

Contamos, ainda a com a parceria de diversas universidades, incubadoras e centros de inovação  que atuarão como como unidades de apoio ao programa VENTIUR AgTech, auxiliando no planejamento, mobilizando ações, oferecendo infraestrutura e suporte para validação do produto e testes de campo. 

“Acreditamos que há um grande potencial para desenvolver startups criadas por empreendedores que tem o “pé-no-barro” e que conhecem de fato as principais dores do homem do campo. Apoiados pelas incubadoras e universidades parceiras, estaremos mais perto e conectados, agregando processos, metodologias e tecnologia para o desenvolvimento das melhores soluções.”, explica Sandro Cortezia, CEO da VENTIUR.

O grupo de investidores deve aportar um valor total de R$5 milhões em até 25 startups, podendo ser feito por investidores Pessoa Física, Jurídica e também na modalidade de Corporate Venture. A terceira oferece às empresas que têm interesse na aproximação ou investimento em startups, podem definir até 3 desafios, que serão utilizados para selecionar startups com sinergia aos problemas relacionados. Dessa forma, empresas da modalidade Corporate Venture contam ainda com a prioridade no co-investimento.

Todos os investidores do grupo, além de diversificar seus investimentos com possibilidade de altos retornos, se beneficiam da conexão com parceiros, startups e time de experts, treinamentos de mentoria, informações privilegiadas sobre startups pré-selecionadas, maior segurança para investir e expandir seus maiores ativos: Conhecimento e Relacionamento.

O perfil das startups selecionadas a serem investidas serão:

– Startups que resolvam problemas reais do agronegócio;

– Em estágio operacional ou pré-operacional;

– Escaláveis, baseadas em tecnologia e inovação;

– Com diferenciais estratégicos e competitivos e mercado amplo;

– Empresas com dois ou mais sócios, ao menos um com dedicação exclusiva e um sócio técnico, além de conhecer muito bem o ramo de atuação;

 

Startups, Investidores e Empresas que tiverem o interesse em fazer parte, ou mesmo se informar melhor sobre o programa e grupo de investidores VENTIUR AgTech podem entrar em contato diretamente com Guilherme Kudiess pelo email guilherme@ventiur.net ou whatsapp +55 51 98269.8262.

 

Vamos juntos acelerar a inovação no agronegócio!