O Coronavírus é uma realidade que está impactando diretamente muitos mercados, e como o agro está reagindo? Muitos países estão fechando suas fronteiras, impactando diretamente nas exportações. Muitas feiras e eventos agrícolas anunciaram seu cancelamento. O dólar já ultrapassou os R$ 5 e há centenas de implicações decorrentes desse aumento. Também motoristas estão ficando em casa e recusando-se a transportar cargas gerando incertezas de mercado. É assustador os possíveis impactos da situação de mercado no agronegócio.

Em meio a pandemia, a VENTIUR selecionou as AgTechs finalistas que receberão até R$ 800 mil em investimento. A seleção corresponde à 10ª turma, focada em startups do Agronegócio, e teve o seu demoday em 29/02. A reunião com os investidores ocorreu na sequência em início de março, gerando a lista das startups aprovadas. O Processo de seleção, que teve início em novembro/19, teve mais de 60 inscritos e percorreu 3 estados (RS, PR e SP). Os encontros locais foram importantes para conhecer de perto e melhor avaliar as AgTechs que, em grande maioria, estão espalhadas pelo interior do Brasil. Neste link você confere mais detalhes do processo de seleção.

As startups da turma 10 selecionadas para receber investimentos foram:

Leigado – Plataforma Web-Mobile para gestão de propriedades de gado leiteiro;

Raks – Sensor de umidade + sistema de apoio a decisão para o acionamento da irrigação;

Trucker do Agro – Contratação de frete agrícola integrado com cooperativas e transportadoras;

E ainda, no páreo, algumas startups que demonstraram alta capacidade de entrega, empreendedores comprometidos e modelos escaláveis, seguem em análise por parte dos investidores:

Agextec – Estação meteorológica de baixo custo e sistema de gestão de informações coletadas;

Agritrade – Marketplace de toda a cadeia da cana de açúcar;

Gravitwave – Sistema de gestão de produtores de suínos e aves;

Stac – Sistema de apoio a decisão no manejo de aviários;

A Aceleração das 3 startups já selecionadas se inicia em momento perfeito para rever estratégias de como se adaptar para superar a crise. De prontidão a VENTIUR lançou seu primeiro bootcamp online e que foi disponibilizado a toda comunidade para compartilhar conhecimentos no tema emergencial ESTRATÉGIAS EM TEMPOS DE CRISE. A gravação da conferência pode ser assistida no canal do Facebook da VENTIUR Aceleradora ou neste link.

Voltando ao cenário Agro, em conversa com Rodrigo Souto da startup Cerealiza, consultoria financeira para lavouras de grãos e que também participou do processo de seleção da VENTIUR, afirma: “Existem grandes incertezas críticas a administrar nesse momento. Primeira Incerteza: o preço do dólar. Ele impacta positivamente no preço de venda da commoditie, mas consequentemente na importação de insumos, tornando mais cara a produção agrícola. Segunda Incerteza: a demanda por alimentos. A princípio segue tranquila, mas há uma terceira incerteza que afeta a demanda: logística. O Brasileiro sabe ser muito produtivo e eficiente da porteira pra dentro, mas ainda há muito a amadurecer da porteira pra fora. Os problemas logísticos implicam desde fechamento de acessos, motoristas em casa, fluxo de retorno com os insumos imprescindíveis à produção nos portos nacionais e internacionais. A colheita está garantida, mas até quando o sistema agrícola se manterá a salvo é um grande ponto de interrogação.” 

A Trucker do Agro, startup mais recente investida pela VENTIUR, vem justamente neste momento crítico ajudar o agronegócio com a gestão e automação na contratação de fretes. “Lançamos nossa plataforma de logística Trucker do Agro em fevereiro no Show Rural em Cascavel, com projeções animadoras em um mercado carente de ferramentas. Nossos clientes são cooperativas, revendas, sementeiras, até mesmo o produtor e construímos nossa solução baseada nas dores deles. O que tem nos travado um pouco são as visitas a novos clientes para apresentar a solução, mas os que estão em operação usam diariamente o Trucker. A plataforma é 100% online, então mesmo home-office, basta o contratante baixar o app e de casa solicitar fretes e acompanhar todo processo. Do lado das transportadoras, da mesma forma, estes recebem a cotação e instantaneamente pelo app podem fazer suas ofertas de carga.” Comenta Durval Carneiro, CEO da Trucker do AgrO.

Outra startup também investida da VENTIUR é a Raks Tecnologia Agrícola que desenvolve sensores de umidade e um sistema de apoio a decisão no acionamento da irrigação e se encontra justamente em meio a uma estiagem no RS. “Estamos vivendo uma situação atípica e transformadora na história de todas as empresas e consumidores, porém, assim como a saúde, o Agro não para. Aproveitamos este tempo para produzir e aprimorar nosso produto. Além dos desafios que todos estamos vivendo com a pandemia, os produtores ainda enfrentam o desafio do clima, da falta de chuva, e é nesses momentos que percebemos ainda mais a importância dos sistemas de irrigação e do correto manejo da água. A Raks está lado a lado com os produtores para que consigam seguir produzindo e enfrentando esse e outros desafios; Esse é o nosso objetivo: um produto melhor para uma agricultura melhor.” afirma Fabiane Kuhn, CEO da Raks.

Produtores, empresas e startups estão tentando se manter firmes neste tempo de crise. As pessoas seguem trabalhando para manter a produção de alimentos. É incrível a compreensão que a cadeia produtiva de alimentos tem sobre a sua importância para este momento. A circulação de imagens em redes sociais tem sido constante. O principal objetivo é, segundo as recomendações das autoridades de saúde, conscientizar as pessoas a permanecerem em casa, que a produção de alimentos não vai parar. 

Esse é o Agro Brasileiro, e vai continuar trabalhando até o país sair dessa crise.

#GoAgro #GoHard #GoVENTIUR